Canal FX produzirá série de tv baseada em O Psicopata Americano

Escrito por Bret Easton Ellis, o controverso livro se tornou ainda mais polêmico após o lançamento de Psicopata Americano, em 2000, que trouxe Christian Bale no papel de Patrick Bateman.

Após os boatos sobre um possível remake do filme de 2000, agora o canal FX anunciou a produção de uma série de tv baseada no livro de Ellis, provavelmente nos mesmos moldes de Hannibal, exibida atualmente pela NBC.

Segundo o Deadline, a trama será ambientada nos dias atuais, dando sequência aos eventos do filme de Mary Harron, onde agora, Bateman terá 50 anos e estará se preparando para dar continuidade a linhagem do Psicopata Americano.

Antigo roteiro de Christopher Nolan será finalmente levado ao Cinema

Já fazem quase quinze anos desde que Chris Nolan adaptou The Keys to the Street, obra de Ruth Rendell, em um roteiro de cinema. O visionário diretor assinou o roteiro após o lançamento de Following, em 1998.

Assim como seu projeto sobre Howard Hughes, que na época teria Jim Carrey como protagonista, Nolan pretendia filmar The Keys of the Street logo após Insônia, filme que fora oferecido ao diretor como uma chance de demonstrar seu talento como cineasta. Logo após o mesmo, Nolan veio a dirigir Batman Begins para a Warner Bros, o que acabou colocando seu antigo roteiro na gaveta.

Cerca de três anos atrás, a atriz inglesa Gemma Arterton, de 007: Quantum of Solace e João e Maria: Caçadores de Bruxas, foi escalada com uma das protagonistas do projeto, mas nada foi confirmado sobre o filme, pelo menos até a última semana.

Segundo o Hollywood Reporter, a Myriad Pictures pretende adquirir os direitos para filmar a adaptação, que agora deverá ser dirigida pelo diretor tcheco Julius Sevcik. Além de Arterton, Tim Roth também deverá estar no elenco. A pré-produção está marcada para 2014.

Site revela possível título oficial de Star Wars: Episódio VII

De acordo com o Talk Backer, o sétimo filme da saga será intitulado como Star Wars: Episode VII – A New Dawn, no Brasil, Star Wars: Episódio VII – Um novo Amanhecer.

O boato sugere uma clara referência ao título do primeiro longa da franquia – Uma Nova Esperança, lançado em 1977. O site ainda afirma que o novo filme contará com a presença da Millennium Falcon, uma vez que um “espião” não identificado pode ter descoberto a consutrução da nave, localizada nos estúdios Pinewood, assim como, uma usina de energia e a famosa cantina.

O casting do novo filme deverá ser divulgado oficialmente em outubro. No entanto, nomes como o de Rachel Hurd-Wood e Alex Pettyfer foram alvos de boatos, apontados como possíveis protagonistas da nova trilogia, além de Benedict Cumberbatch, que também poderá interpretar um dos novos personagens. A estreia do sétimo episódio acontecerá em 2015.

Warner Bros e a polêmica escalação de Ben Affleck como o novo Batman

A partir do momento em que Batman foi confirmado na sequência de O Homem de Aço, os fãs do personagem imediatamente começaram a apontar seus atores preferidos para a nova versão do homem morcego, que agora está sendo adaptado por Zack Snyder, diretor de filmes como 300 e Madrugada dos Mortos.

Um dos principais nomes apontados foi o de Ryan Gosling, famoso por seu papel em Drive e Tudo pelo Poder, onde o ator liderou as listas de grande parte dos fãs, que indicaram Gosling como um dos mais apropriados para uma versão mais jovem de Bruce Wayne/Batman. Apesar das especulações sobre o casting, Gosling revelou para a imprensa americana que seu único receio era o de ficar preso em uma franquia, ligado à um mesmo papel durante vários anos, o que acabou fazendo com que ele recusasse a proposta da Warner Bros para estar em O Homem de Aço 2.

Para efeito de comparação, o mesmo aconteceu com Hugh Jackman no passado, onde o Oscarizado ator recusou o convite de viver James Bond no cinema, pois assim como Gosling, Jackman não simpatizava com a ideia de viver um mesmo personagem durante vários anos. Posteriormente, Daniel Craig acabou pegando o papel após uma dura disputa com Clive Owen.

Assim como Ryan Gosling, Josh Brolin também foi um dos principais cotados para viver o cavaleiro das trevas na telona. Fãs chegaram a desenvolver algumas artes de como seria o personagem, caso Brolin o interpretasse no filme. Apesar da óbvia semelhança física com o personagem, o ator de Onde os Fracos não tem Vez acabou perdendo a chance de interpretar Batman no cinema, provavelmente por não concordar com as ideias de Zack Snyder sobre como Batman deveria ser adaptado, ou mesmo, por simples questões salariais, motivo pelo qual noventa por cento de Hollywood recusa participar de certos projetos. Confira as palavras do ator sobre a escalação:

“Eu não cheguei a conversar sobre, mas sei que era parte da ideia de Zack [Snyder]. As coisas simplesmente não deram certo. Mas tudo bem. Talvez em outro momento tivesse dado tudo certo, mas ainda assim, fico feliz por Ben [Affleck]”, disse o ator em uma breve declaração para o Huffington Post.

Outros nomes como o de Jon Hamm, Karl Urban, Gerard Butler, Richard Armitage e Joe Manganiello foram apontados pelos fãs como um dos astros que poderiam personificar o personagem de Batman com fidelidade e competência. No final das contas, a escolha da Warner foi completamente inesperada, original e extremamente polêmica: Ben Affleck, famoso por suas atuações medianas/ruins e sua promissora carreira como cineasta, especialmente após seu Oscar de Melhor Diretor por Argo.

A escalação de Affleck gerou um verdadeiro furacão de críticas e reclamações, onde a massa nerd se mostrou revoltada com a decisão da Warner, que dentre vários talentosos nomes, acabou escolhendo um mediano ator que pode acabar arruinando tudo que foi construído até agora. Por outro lado, é obvio que os executivos não escolheram Affleck somente pelo seu carisma e talento como cineasta. Castings como esse sempre são extremamente bem pensados e estudados, uma vez que produções como O Homem de Aço são muito caras, logo, não podem ser nada menos que estouros de bilheteria.

É fato que Ben Affleck foi uma escalação arriscada e duvidosa, especialmente pelo ator já ter interpetado um super herói no passado. Para quem não se lembra, Affleck viveu Matt Murdock em Demolidor – O Homem sem Medo, produção que apesar de decente, até hoje é apontada como uma das mais bipolares e problemáticas adaptações de quadrinhos. Mas nada pode ser feito, pelo menos não até o momento em que tivermos o primeiro teaser de Homem de Aço 2, onde as críticas de fato se dividirão.

Para efeito de comparação, casos como este aconteceram no passado, onde os estúdios provaram em grande parte estarem certos sobre suas decisões – Heath Ledger como Coringa, Daniel Craig como James Bond, Anne Hathaway como Selina Kyle, Robert Downey Jr. como Tony Stark ou mesmo, Michael Keaton como Batman, que na época era considerado como nada mais que um comediante da década de 80.

O que no resta agora é esperarmos pelo primeiro trailer do filme, ou pelo menos, pelas primeiras imagens de Affleck como o novo homem morcego. Só vamos torcer para que o personagem tenha a mesma sorte que teve nas mãos de Christopher Nolan, que deverá atuar somente como produtor do filme desta vez. O Homem de Aço 2 será lançado em 2015, trazendo novamente Henry Cavill como Clark Kent/Superman, Amy Adams como Lois Lane, Ben Affleck como Bruce Wayne/Batman e Laurence Fishburne como Perry White.

Matthew McConaughey diz que Interstellar é um filme movido pela História

Em entrevista para a MTV, McConaughey disse que Interstellar é um filme completamente movido pela história, um filme dirigido pelo roteiro e não exclusivamente por personagens, como acontece em outros casos:

“Interstellar é um filme movido pela sua história, não pelos personagens. Christopher Nolan é um diretor que realmente sabe o que quer. Ele também sabe muito bem o que está fazendo, assim como, sabe muito bem o que todos estão fazendo.”

Quando questionado sobre a trama, o ator preferiu manter segredo, revelando somente que o roteiro do filme é sigiloso até mesmo para os membros de sua família. O que se sabe até o momento é que a história do longa envolverá um grupo de cientistas, viagens espaciais e wormholes.

Atualmente o diretor roda suas cenas na Islândia, onde nos primeiros dias de filmagem, moradores da região relataram que uma espécie de acidente aéreo envolvendo uma nave gigante foi filmada pela equipe. Interstellar chega aos cinema em novembro de 2014.

Anjos da Lei 2 terá a participação de Amber Stevens no Elenco

A sequência de Anjos da Lei, lançado em 2012, acaba de ganhar um reforço no elenco. A atriz Amber Stevens, famosa pela série TV Greek da ABC Family, se une ao casting do filme. A informação foi confirmada pelo The Wrap. Nos EUA, o filme será lançado como 22 Jump Street, fazendo uma brincadeira com o título do longa original, 21 Jump Street.

Desta vez, a dupla de investigadores formada por Channing Tatum e Jonah Hill se infiltra na faculdade, onde agora, Jenko (Tatum) entra para a equipe de futebol americano, enquanto Schmidt (Hill) adere à cena artística-boêmia local. Mais detalhes sobre a trama deverão ser divulgados em breve.

O roteiro é assinado por Hill e Michael Bacall, de Scott Pilgrim contra o Mundo. A direção fica por conta de Phill Lord e Chris Miller. A estreia está marcada para junho de 2014.

Confira o primeiro e aguardado trailer de Robocop, dirigido por José Padilha

Após meses e meses sem sequer uma notícia sobre Robocop, o aguardado remake finalmente ganha seu primeiro trailer.

Basicamente, o roteiro deverá homenagear alguns momentos do filme original, ganhando também alguns novos conceitos originais, como a armadura robótica do personagem título, que agora apresenta um visual mais high tech.

O filme tem no elenco Joel Kinnaman, Abbie Cornish, Gary Oldman, Aimee Garcia, Samuel L. Jackson, Jackie Earle Haley e Michael Keaton.

Robocop teve a primeira versão do roteiro escrita por Josh Zetumer, e uma segunda versão por Nick Schenk (Gran Torino) e James Vanderbilt (Zodíaco, O Vingador do Futuro). A estreia no Brasil está marcada para  21 de fevereiro de 2014.

Will Smith negocia seu retorno em Independence Day 2

Há alguns meses atrás tivemos a notícia de que Will Smith havia descartado a possibilidade de participar de Independence Day 2. Agora, Roland Emmerich, diretor do filme, comentou em uma entrevista para o Digital Spy sobre um possível retorno de Smith ao projeto:

Inicialmente ele não pretendia voltar, mas agora temos uma reunião agendada, vamos conversar novamente sobre o filme e tudo pode acontecer.”

Apesar de não haver nada confirmado, o retorno de Smith é obviamente uma prioridade para o estúdio, uma vez que o nome do ator é sinônimo de altos números de bilheteria. A trama do filme se passará um quarto de século após o longa original. Bill Pullman e Jeff Goldblum também já estão confirmados no elenco. A estreia está marcada para julho de 2015.